quarta-feira, setembro 19, 2007

Agora é que vou ficar até aos 50 em casa dos meus pais



Imaginem uma fila de automóveis com 3 faixas, tipo 2ª circular em hora de ponta.
Estamos ali há horas e as filas andam 2 centímetros por minuto.
Quando mudamos de fila, a pensar que vai ser mais rápido por ali, imediatamente depois de sairmos, aquela em que estávamos começa a andar que é uma graça.
E como é que nos sentimos aí?

Exactamente como me sinto por ter de recusar algumas propostas de emprego que me pareciam excelentes, mas em que não me podiam oferecer mais horas, mais dinheiro ou um contrato decente.

Fiquei parada na mesma fila de sempre, a engolir em seco.

A engolir em seco um grande sapo tóxico e verde.

Como a porcaria dos recibos dos quais não consegui fugir.

Se soubesse o que sei hoje, tinha-me mesmo candidatado a matemáticas aplicadas ou a biologias moléculares, soubesse eu contar mais que até 3, ou tivesse percebido alguma coisa das aulas de Ciências/biologia/Físico-Química que tive no Secundário.

Podia ser boa em tanta coisa...

Raspárta!

2 comentários:

Leididi disse...

Recibos verdes, verdinhos, que maravilha. Andamos todos ao mesmo.Respira fundo, caaaalmaaaaa.

100 Sentidos disse...

Como eu te compreendo...