quinta-feira, janeiro 25, 2007

e...?



Já vi.
Agora quem é que me explica o que é que este filme tem de especial para além de me fazer rebolar na cadeira (e hiperventilar!) , já cansada de estar há tanto tempo à espera ??

5 comentários:

Anónimo disse...

eu até gostei do filme, realmente não é aquela coisa fenomenal, mas é jeitoso.Até dá para inventar um drinking game,sempre que a japonesa mostra o pipi ou começa a pensar em sexo tem que se beber.
ass:namesma.

inês, a anónima disse...

hahaha! maluca da japonesa!:P

Kass disse...

só merda, só merdas em cartaz... dassssssseeeeeeeee!!!!

Catarina disse...

Hum...como é que se diz...bem, vou tentar ser suave: não concordo...aliás, não concordo mesmo nada (e já se vai perdendo a suavidade...) Eu gostei muito do filme, aliás ADOREI ;)
Felizmente nem todos gostamos de amarelo...ou seriamos todos esquizofrenicos!

inês, a anónima disse...

Acho que acaba por ir dar ao mesmo dizer que tudo o que não compreendemos é arte.
Ora o que nos apresenta este filme?
Os mexicanos são todos aldrabões?
Os muçulmanos são todos terroristas?
Os Americanos são todos coitadinhos?
Não me convence.
Que mexeu comigo o facto de ser tudo uma grande injustiça, não nego. Mas acaba sempre como tudo na realidade. Os mais fortes por cima.
Agonia no cinema não quero. Já basta a vida real.