segunda-feira, abril 24, 2006

O estado das coisas

Que fazer quando as crianças insistem comigo que a palavra "tecido" se escreve com "d". "Decido", portanto?

13 comentários:

sapatilha disse...

dá-lhes uma tareia, vais ver que aprendem logo.

Eu sou assim! disse...

Isso não faz muito sentido, aliás, na realidade, isso explica muita coisa.

Diz-me Inês, que andas tu a ensinar aos miudos? Não entendo. LOL :D

inês, a anónima disse...

O que ando a ensinar?
Inglês;)

sparks disse...

era assim umas réguas bem dadas na planta dos pés... aprendiam logo quem é que DECIDE!

Mistinguette disse...

dizer-lhes que sim e acender um cigarro? :P

Eu sou assim! disse...

LOL os truques da Mistinguette! ;)

inês, a anónima disse...

olha que essa do cigarro não está nada mal...

Anónimo disse...

Eu acho que nada mais simples do que dar-lhes razão, e reformular por completo a lingua portuguesa conforme as crianças querem. Se elas são o futuro do país, blá, blá, blá, deviam ter razão e ponto final!


Sónia R.

inês, a anónima disse...

sim, mas eles também comem coisas que tiram do nariz. Não confio em entidades que "absorvem" as suas próprias...cenas!:P

Eu sou assim! disse...

Os truques da Mistinguette e as ideias geniais da Sónia R! Que belo par de jarras, diria a minha mãezinha. :D

Eu sou assim! disse...

Inês, fizeste-me sentir uma coisa que nunca tinha sentido contigo. ;) NÁUSEAS! CA NOJOOOOOOOOOOO!

inês, a anónima disse...

are you talking to me?;)

Anónimo disse...

Ideias geniais=Eu :p

Hum... Essa parte do absorver, realmente... Mas continuo na minha. Elas é que sabem. essas "coisas" tiradas do nariz podem estar cheias de vitaminas, e nutrientes!


Sónia R.